Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2012

10 dicas para melhorar sua postura no ballet

Como melhorar a sua postura Ballet Uma das primeiras coisas que uma bailarina aprende é a maneira correta de segurar seu corpo. Um dos fatores distintivos de uma bailarina é a postura, dançando ou não. Você pode encontrar o seu centro de equilíbrio, imaginando uma linha reta passando pela sua espinha. Para atingir a postura correta, bailarinos devem praticar todos os dias alguns exercícios. No começo, você pode ser útil se segurar suavemente numa barra de equilíbrio. Os passos seguintes irão ajudá-lo a ficar como uma bailarina. 1 - Fique com os pés na primeira posição, calcanhares se tocando e pés virados para fora, com os joelhos retos. 2 - Contraia os músculos de sua barriga. 3 - Aperte os músculos da parte inferior da sua perna. 4 - Amplie os ombros, empurrando-os para baixo e para trás. 5 - Mantenha os braços na frente do corpo, com os cotovelos ligeiramente dobrados e as mãos relaxadas. 6 – Levante o queixo, alongue do pescoço. 7 - Respire profundamente e relaxe. 8 -Mantenha os ombros para …

SAPATILHAS DE PONTA: A HORA CERTA

Os exercícios infantis no Ballet devem ser adequados à capacidade neurológica músculos-esquelética da criança; assim sendo, é impossível exigir que ela faça esforços, como ficar na ponta dos pés fora de hora. Toda menininha sonha em ser bailarina, e “ser” bailarina para ela é ficar na ponta dos pés e fazer o grand écart (abertura total das pernas). Aliás, para a grande maioria dos pais, este também é o conceito de “ser bailarina”, pois quando matriculam suas filhas no Ballet, vão logo perguntando: “quando é que ela vai aprender a ficar na ponta dos pés e fazer abertura total?” Mas a realidade é outra, tem que ser outra. Para se alcançar esse doce sonho, é preciso muitos anos de trabalho sério e consciente e o corpo já ter uma formação músculo-esquelética definida e preparada. Em nosso método de trabalho, admitimos crianças a partir de 4 anos de idade, e até os 7 anos o nosso curso limita-se a aulas de criatividade e musicalidade, juntamente com uma introdução ao Ballet. O estudo da técnic…

Como pintar minha sapatilha de ponta?

Material: * Um pincel normal
                 * Um tubo de tinta pastosa da cor que você quiser para tecido ( a tinta não pode ser muito "aguada" porque estraga o gesso da sapatilha e ai adeus querida sapatilha, encontra-se em papelarias etc )
                 * Jornal
Passo-a-Passo: 1º: Coloque jornal dentro da sapatilha pra que ela fique bem esticada e quando pintar não fique franzida.
2º: Ponha um pouco de tinta no pincel, nada de exageros, e pinte a parte do gesso da sua sapatilha.
3º Vá passando o pincel levemente pra que a tinta não atinja muito o gesso.
4º Pinte normalmente a parte sem gesso.5º Sem tirar os jornais coloque para secar em um varal ou atrás da geladeira.
6º Quando perceber que já secou completamente, após aproximadamente umas 8 horas, tire os jornais.
E pronto! Sua sapatilha está linda e pintada!
IMPORTANTE: Não pinte a fita da sapatilha, pois vai deixar ela dura e muito feia. A fita se troca, compre e costure-a.

Sapatilhas de ponta COLORIDAS!

Benefícios do Ballet Adulto - 9 Motivos para você começar já

1 - Exercício
O Ballet é um grande exercício para o corpo.O ballet exercita o corpo como um todo,cada músculo, com graça e suavidade.  A sequência de exercícios promove o condicionamento dos músculos, o fôlego, a firmeza e a precisão.
2 - Flexibilidade
Há quanto tempo você não faz mais as coisas que fazia quando era criança. Amarrar os sapatos, coçar as costas, levantar-se de uma vez do chão, e outras tantas coisas que tinha facilidade para fazer e que agora o corpo parece não responder mais. Sentar para amarrar os sapatos, pedir para alguém coçar nossas costas, apoiar as mãos para levantar-se do chão são consequências de anos de descuido com o nosso corpo. No Ballet trabalha-se para corrigir estes danos. Mais do que músculos, o Ballet dá qualidade de vida às pessoas, devolvendo ao corpo suas verdadeiras habilidades e funções. Consequência natural disto: sua vida pessoal vai melhorar, com você fazendo suas tarefas do dia a dia com mais facilidade e suavidade.
3 - Postura
Quer ter uma postu…

Ballet para Bebê:

Sua filha está pronta para fazer Ballet? A maioria dos bebês e crianças respondem muito bem ao som de música com muita alegria e entusiasmo.

Movendo-se para a música é uma ótima maneira para as crianças a desenvolverem uma consciência de dança e uma valorização para a música. No entando as escolas de dança exigem que a criança teha pelo menos 3 aninhos para poder participar das aulas de Ballet (Baby Class). Se você gostaria de expor sua filha a música e a dança, não se sinta obrigado a  inscrevê-la para uma aula formal. Com um pouco de imaginação e criatividade, você pode criar uma classe divertida e estimulante de ballet no conforto da sua sala de estar brincando com ela de ballet e bailarina!!!.

Esticando:

Toques do dedo do pé: Demonstrar como sentar no chão e alcançar os dedos dos pés. Incentivar os joelhos retos. Extensões de perna: Mostre seu bebê como colocar de um lado e mantenha uma perna no ar. Incentivar os joelhos retos e os dedos apontados. 

Marcha:


Se seu filha gosta de fazer ba…

E se ...

O mundo fosse apenas feito de ballet ?

Dica para pais: Com que idade meu filho deve começar as aulas de Ballet?

Os pais muitas vezes parecem com pressa para matricular seus filhos em aulas de ballet. No entanto, a formação do balé clássico não deve ser introduzido até a idade de 8. Antes disso, os ossos de uma criança são muito favoráveis para as exigências físicas e exercícios de ballet. Pré-aulas de balé são freqüentemente oferecidas para bailarinos com idade entre 4 e 8, essas são as aulas de Baby Class, onde é feita uma preparação para a criança começar realmente as aulas de Ballet Clássico. A maioria dos professores acredita que com 3 anos de idade são muito pequenos para serem matriculados e os pais são orientados a esperar até pelo menos, 4 anos. Aula de Baby Class se tornou bastante popular nos estúdios de dança. As aulas são bem organizadas e simples, chegando bem perto de ser uma recreação, incentivando a coordenação motora. As crianças podem ser conduzidas a passar pela sala com os ritmos de diferentes estilos de música. Em algumas aulas podem até apresentar aos alunos as cinco posiçõe…

Como é a escrita certa? Ballet ou balé?

Balé é a versão aportuguesada de ballet (palavra francesa)

Então nas normas da língua portuguesa o correto é balé, e é assim que você deve escrever se for uma redação ou algo assim que condena erros ortográficos. Mas como muita gente acha chique a palavra no seu idioma original, é muito comum ver bastante gente escrever ballet.



A única real diferença entre as duas palavras é que uma é de língua portuguesa, devidamente aportuguesa da outra, de língua francesa. Isso é muito claro até o momento em que resolvemos entrar no mundo da dança. Eu sou revisora de textos, então, a escolha mais óbvia sempre foi a primeira. Até o dia em que comecei a dançar e perceber que nas escolas, nos textos, nos livros e afins, ballet sempre prevalecia. Afinal, a terminologia do ballet é praticamente toda em francês, onde quer que estejamos. No Brasil, nos Estados Unidos, na Argentina ou na Rússia, um plié é sempre um plié. Sendo assim, a forma francesa seria a mais utilizada. Aos incautos, porém, um alerta: a or…

Balé não tem idade

Balé não tem idade
Em busca de boa forma, adultos passam a freqüentar as aulas de dança clássica nas academias

Carina Rabelo
Há menos de uma década, poucas escolas de balé clássico aceitavam alunos iniciantes com mais de 10 anos de idade. O senso comum recomendava que, para alcançar uma alta performance, era preciso começar aos 5 anos. Mas isso gerou, em muitos casos, uma fuga das sapatilhas. Quem começava cedo desistia por não suportar a disciplina do treinamento. E os que sonhavam com a dança, mas não haviam feito aulas na infância, acreditavam ser tarde para começar. Com o objetivo de democratizar o balé - e garantir a sobrevivência da arte no País - escolas de dança ampliaram o acesso ao clássico. A cada ano, novas turmas para adultos iniciantes são criadas. "Os professores desmistificaram o rigor no treinamento e tornaram a dança mais prazerosa. A técnica clássica não é alterada, mas cada aluno trabalha de acordo com as suas possibilidades", explica Jean-Marie Dubrul, prof…

Romeu e Julieta

Coreografia: Leonid Lavrovsky Música: Sergei Prokofiev Romeu e Julieta. Duas famílias, na cidade de Verona, nutrem uma grande inimizade entre si. São os Montecchio e os Capuletto. Romeu e seus amigos Mercúcio e Benvólio costumam freqüentar uma praça, onde sempre arrumam brigas com Teobaldo e seus amigos. Numa dessas brigas, o príncipe presencia tudo e adverte os jovens, para que a rixa entre eles tenha fim. Procurando mais confusões, Mercúcio incentiva Romeu e seus amigos a entrarem em uma festa dos Capuletto usando máscaras, onde, mal sabem eles, começará a maior de todas as brigas. Romeu e Julieta se aproximam, e sem saber quem realmente são, se apaixonam. E assim eles descobrem que haviam se apaixonado pelo inimigo de suas famílias. Mesmo sabendo disso, Romeu declara seu amor e os dois prometem não deixar a inimizade de suas famílias destruir esse grande amor. Os dois recorrem ao Frei Lourenço, que apesar de adverti-los quanto à desobediência às suas famílias, realiza o casamento, persua…